Saturday, 16th December 2017
16 dezembro 2017

MEC anuncia 1 milhão de vagas em EaD no Pronatec Voluntário no Plano Progredir

Brasília – 27/09/2017 – O governo federal lançou nesta terça-feira, 26, o Plano Progredir, que busca ofertar qualificação profissional, facilitar o acesso ao mercado de trabalho e incentivar a população de baixa renda a abrir o próprio negócio. Esse pacote de medidas visa estimular o aumento da renda dos beneficiários do Bolsa Família e demais trabalhadores inscritos no Cadastro Único para programas sociais do governo. Na solenidade, ocorrida no Palácio do Planalto, foi anunciado 1 milhão de novas vagas no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) Oferta Voluntária, na modalidade de educação a distância (EaD) . O ministro da Educação, Mendonça Filho, destacou que o MEC vai entrar com a qualificação profissional e proporcionar cursos de formação para os jovens que aderirem ao programa. “Estamos abrindo 800 mil novas vagas do Pronatec Oferta Voluntária, mas com a previsão de até 1 milhão de vagas até o fim do ano”, explicou.

Já a secretária da Setec do MEC, Eline Nascimento, reforçou que proposta é que os cursos profissionalizantes sejam adaptados de acordo com a realidade de cada região, fortalecendo a demanda do arranjo produtivo local com mão de obra qualificada. “Desde o ano passado, nós estamos implementando ações diferenciadas dentro do Pronatec. Uma delas é o arranjo produtivo local de demandas. Dessa forma, conseguimos garantir maior inserção no mundo do trabalho para o profissional que buscar essa qualificação”, esclareceu Eline.

Inscrições – Podem se candidatar aos cursos do Pronatec todos os cidadãos brasileiros maiores de 15 anos. As inscrições serão feitas em dois momentos. A partir desta terça-feira, 26, até 22 de outubro, os interessados em acessar uma das vagas do Pronatec Oferta Voluntária devem procurar o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) ou a prefeitura de sua cidade. A partir do dia 30 de outubro e até 19 de novembro, as inscrições passam a ser feitas no ambiente virtual do Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica (Sistec).

A inscrição já corresponde à pré-matrícula. Após recebimento da carta de encaminhamento, o candidato deverá apresentar a documentação exigida junto à instituição de ensino e finalizar a matrícula. Estudantes menores de 18 anos devem realizar todo o procedimento acompanhados de pais ou responsáveis. Todo o processo é gratuito e não há prova para ingresso nos cursos.

CLIQUE AQUI E LEIA A REPORTAGEM COMPLETA NO SITE DO MEC

 

Professor (aposentado) na Rede Pública de Ensino do Distrito Federal. Especialista em Informática na Educação (UnB), Coordenação Pedagógica (UnB). Tem realizado diversas palestras em instituições pública e particulares com uma variedade de temas: Avaliação das Aprendizagens, Uso das TICs na Escola, Inteligências Múltiplas e o processo de Ensino e Aprendizagem, Atividades Lúdicas em Sala de Aula, Legislação Educacional; Uso do Livro Didático, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *